Publicidade publicidade

Suzano leva conscientização ambiental para alunos do Ensino Fundamental

Campanha acontece na Bahia e em outros estados de atuação da empresa

Por Neuza em 21/06/2024 às 15:21

Suzano leva conscientização ambiental para alunos do Ensino Fundamental

Alunos do 3º ao 5º ano da Escola Rural Oliveira Costa participaram da ação. Foto: Divulgação

Durante o mês de junho, a Suzano, por meio da equipe de Inteligência Patrimonial, está percorrendo escolas rurais em todo o Brasil, nas regiões onde tem operações florestais, com a Campanha Guardiões da Floresta. O objetivo é levar conscientização sobre o meio-ambiente para as crianças do Ensino Fundamental, por meio de atividades lúdicas e de interação com os profissionais da empresa.

Na Bahia, a ação já aconteceu nos municípios de Mucuri e Alcobaça. No dia 13 de junho, os estudantes do 3ª ao 5ª ano da Escola Municipal Rural Oliveira Costa, em Mucuri, participaram a campanha. A coordenadora pedagógica da instituição, Zenilda Kramer Cordeiro Oliveira, elogiou a iniciativa. "Neste mês, que se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente (dia 5), a escola está trabalhando o tema em sala de aula, mas receber esse projeto da Suzano enriquece a aprendizagem das crianças. Nossos alunos vivem em comunidades próximas às matas e é de extrema importância essa conscientização desde cedo", afirma Zenilda.

Durante a ação, que teve mais de três horas de duração, as crianças participaram de dinâmicas de interação e conversas com os profissionais da Suzano, onde conheceram a atuação da empresa na área ambiental e a importância da preservação dos recursos naturais. Uma das interações aconteceu com o vigilante João Francisco Aziliero, que atua na fiscalização dos corredores ecológicos que estão dentro das áreas da Suzano. "Foi um bate-papo leve e descontraído, onde as crianças puderam perguntar e entender melhor como funciona e a importância do nosso trabalho", ressalta João.

A Escola da comunidade de Igrejinha, em Alcobaça, também recebeu a ação. Em todo o Brasil, a Campanha Guardiões da Floresta já atingiu mais de 500 estudantes e a meta é chegar a 700 alunos impactados nos estados da Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso do Sul e São Paulo.

"Este projeto é mais um aliado no trabalho de conscientização ambiental, que já é realizado pela Suzano nas comunidades vizinhas as operações da empresa. As equipes de vigilância têm feito abordagens diretas nas comunidades, levando orientação sobre a preservação ambiental e divulgando os canais para denúncias de crimes ambientais. Aliado a isso, a ação nas escolas visa a construção de uma geração mais consciente e engajada com as causas ambientais", ressalta Lucio Flavio Gracino, coordenador corporativo de Inteligência Patrimonial na Suzano.

O trabalho nas escolas tem como público-alvo as crianças de escolas rurais localizadas em regiões com alto histórico de ocorrências relacionadas a crimes ambientais, como incêndios à vegetação, caça ilegal e desmatamento, registrados na base de dados da empresa. "A ideia é que as crianças sejam multiplicadoras e reverberem o conceito de Guardiões da Floresta, que diz que todos nós somos guardiões e devemos guardar e proteger o meio ambiente, para o bem comum", afirma Rodrigo Pimentel, coordenador de Inteligência Patrimonial na Bahia.

Fonte: Bahiaextremosul/P6Comunicação

Tags:   Campanha Guardiões da Floresta
publicidade