Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 12/07/2018 às 14h35min

Sequestrador de esposa e filha de policial é preso em Eunápolis

compartilha nas redes sociais:
Neuza Brizola


Foi preso na tarde desta quarta-feira (11), na cidade de Eunápolis, Marcelo Oliveira Costa, de 22 anos, principal acusado de ter sequestrado na última segunda feira (09), a esposa e uma filha do Cabo Leal, da Polícia Militar, em Teixeira de Freitas.

A dona de casa em companhia de uma das filhas desapareceu no final da tarde de segunda feira (09), após saírem para pagar contas no centro da cidade e só foram encontradas umas 15 horas depois dentro do porta malas do carro, um veículo Corolla branco, 18/19, placa policial PKZ 9300, em Eunápolis, mais bem próximo a Itagimirim. 

Antes de abandonar o veículo que havia batido, o criminoso tentou colocar fogo no automóvel com as vítimas presas no porta-malas. Desde o anuncio do desaparecimento da mulher e da filha do militar, policiais da região não mediram esforços para encontrar as vítimas, que só foram encontradas cerca de 15 horas depois. Policiais viram o carro abandonado à margem da estrada e ouviram gritos vindos do porta malas.

Marcelo que estava hospedado em um hotel na Rua Tupiniquins, no bairro Pequi, foi preso na Avenida santos Dumont no Centro de Eunápolis quando fazia compras usando o cartão de crédito da vítima. No hotel a polícia recuperou documentos pessoais e o celular de Lucinéia.

Em depoimento o acusado disse que não agiu sozinho, uma segunda pessoa o teria ajudado a sequestrar mãe e filha na saída de um banco em Teixeira de Freitas. O sequestrador falou que entrou no carro da vítima e a obrigou a dirigir até Itabela.

Em Itabela ele assumiu a direção do veículo até Eunápolis onde um comparsa de nome Alder o aguardava. Marcelo também contou que o comparsa tinha vindo na frente com um veículo alugado.

Marcelo confessou que ele e o comparsa são moradores de Eunápolis “Tive uma discussão com minha família adotiva, fui para Teixeira de Freitas passar uns dias com meus pais, foi lá que encontrei o Alder e ele me chamou para fazer o assalto, estávamos precisando e 08 mil reais”. Marcelo falou que eles estavam armados com pistola Ponto 40.

Eunápolis prisão sequestrador mulher policial

Veja também

nada encontrado

Últimas publicações