Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 11/04/2018 às 09h41min

Pressões do governo sobre empresas motivaram permanência de Carletto no PP

compartilha nas redes sociais:
Neuza Brizola


A desistência do deputado federal Ronaldo Carletto (PP) de migrar para o PR Partido da república para disputar uma vaga ao senado se deu por pressões feitas por integrantes da alta cúpula do governo do estado, segundo matéria publicada na coluna Satélite.

Ronaldo cogitava migrar para o PR durante a janela partidária para disputar uma vaga na chapa majoritária do governo ou da oposição, mas desistiu alguns dias antes do término do prazo.

Segundo a Satélite, integrantes do governo revelaram que foram feitas pressões sobre as empresas de Carletto, inclusive com a ameaça de "flexibilização" das fiscalizações sobre os transportes alternativos, o que traria prejuízos para as empresas de transportes do parlamentar.

Outros temas de interesse da atividade empresarial do pepista também estiveram na mesa de negociações. Carletto, então, optou pelas empresas e desistiu da mudança, ainda de acordo com governistas ouvidos pela coluna.

Bahia Carletto desistencia empresas

Veja também POLíTICA GERAL

Comissão do Senado aprova licença-maternidade de 180 dias

Comissão do Senado aprova licença-maternidade de 180 dias

PRF recupera dois caminhões roubados

PRF recupera dois caminhões roubados

Jovem é morto no São Lourenco

Jovem é morto no São Lourenco

Diretores Administrativos das Unidades Hospitalares do Extremo Sul Participam de Reunião em Teixeira de Freitas

Diretores Administrativos das Unidades Hospitalares do Extremo Sul Participam de Reunião em Teixeira de Freitas

Últimas publicações