Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 04/01/2018 às 10h21min

Novo tratamento para refluxo dispensa cirurgia

Técnica menos invasiva promete melhorar sintomas da doença que atinge cerca de 20% dos brasileiros
compartilha nas redes sociais:
Priscila Carvalho

Azia, queimação e indigestão. Estes são alguns dos sintomas de quem sofre com refluxo gastresofágico, doença que atinge cerca de 20% da população brasileira, segundo dados de especialistas. A boa notícia é que médicos da Faculdade de Medicina do ABC estão trazendo para o País um novo tratamento para refluxo que promete acabar com os sintomas e diminuir o uso de remédio em pacientes que apresentam crises constantes.

O tratamento já é realizado em 40 países, como Austrália, China e Estados Unidos. No Brasil, a ANVISA liberou o procedimento em julho deste ano. Para Eduardo Grecco, gastrocirurgião que trouxe a técnica para o País, o procedimento permite que o paciente deixe de usar remédios de forma diária e proporciona uma qualidade de vida maior. “ Os pacientes ficam em torno de oito anos sem sintomas e sem uso excessivo de medicação”, diz.

Este tratamento para refluxo pode custar em torno de R$10 mil e ainda não tem cobertura dos planos de saúde.

Medicina Bem estar Tratamento Refluxo

Veja também SAúDE

Fernando e Sorocaba: Atração confirmada no carnaval de Alcobaça

Fernando e Sorocaba: Atração confirmada no carnaval de Alcobaça

Corpo em avançado estado de decomposição é encontrado no bairro Estância Biquíni

Corpo em avançado estado de decomposição é encontrado no bairro Estância Biquíni

Comerciante de Arraial da D’Ajuda morre em acidente na estrada de Trancoso

Comerciante de Arraial da D’Ajuda morre em acidente na estrada de Trancoso

Nova Viçosa recebe Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia com campeão olímpico

Nova Viçosa recebe Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia com campeão olímpico

Últimas publicações