Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 13/06/2018 às 14h40min

MP instaura inquérito para apurar ação de segurança contra criança em shopping

compartilha nas redes sociais:
Neuza Brizola/Cecom

O Ministério Público estadual instaurou hoje, dia 12, um inquérito civil para apurar a responsabilidade do Shopping da Bahia em possível prática de racismo institucional ocorrida ontem, dia 11, em fato que envolveu um segurança do estabelecimento e uma criança negra na praça de alimentação do centro comercial. O acontecimento também será apurado pelo MP na área de proteção da criança e do adolescente, que já recebeu representações enviadas ao órgão pelo Juizado de Menores e por estudantes de Direito. Segundo mostra o vídeo divulgado nas redes sociais, o segurança tentou impedir, repetidas vezes, que a criança almoçasse na praça de alimentação um prato de comida ofertado por um rapaz, sob a suposta alegação de que o menino era um pedinte.

A coordenadora do Grupo de Atuação Especial de Proteção dos Direitos Humanos e Combate à Discriminação (Gedhdis), promotora de Justiça Lívia Vaz, informou que o Shopping da Bahia será oficiado para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido em um prazo de dez dias. “Depois de instruído (por meio da coleta de informações e depoimentos), o procedimento poderá resultar em uma recomendação, Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) ou até uma ação civil pública contra o Shopping, inclusive por eventuais danos morais individuais ou coletivos decorrentes da atuação do segurança”, afirmou a promotora. Lívia Vaz explicou que a investigação na esfera civil não afasta a responsabilização criminal.

Inquérito Segurança Shopping

Veja também JUSTIçA

Homem que matou advogada e marido após perder ação é preso em Peruíbe

Homem que matou advogada e marido após perder ação é preso em Peruíbe

Mais de 80 mudas são plantadas na Avenida São Paulo pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente

Mais de 80 mudas são plantadas na Avenida São Paulo pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente

Polícia de Nova Viçosa procura assassino de Renê, morto a golpes de facão

Polícia de Nova Viçosa procura assassino de Renê, morto a golpes de facão

Edison propôs sexo com sua mulher a Daniel, diz testemunha

Edison propôs sexo com sua mulher a Daniel, diz testemunha

Últimas publicações