Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 16/04/2018 às 19h58min

IML Parado- Servidores do IML de Teixeira de Freitas param por falta de pagamento

Servidores do Instituto Médico Legal de Teixeira de Freitas, paralisaram suas atividades nesta segunda feira,16 de abril, por falta de pagamento.
compartilha nas redes sociais:
Neuza Brizola

Servidores do Instituto Médico Legal de Teixeira de Freitas, paralisaram suas atividades nesta segunda feira,16 de abril, por falta de pagamento.

Segundo os servidores que atuam na área administrativa, remoção de cadáveres e auxílio a necropsias, há três meses que a empresa responsável pelo pagamento não faz os pagamentos dos servidores, o que torna a situação eles complicada já que dependem do salário para a manutenção e suas famílias.

Nesta manhã de segunda feira (16), dois corpos estavam aguardando necropsia, o de Leandro Quaresma, morto em confronto com a CAEMA e do SR. João Francisco do Rosário, de 59 anos, degolado com um caco de garrafa no projeto 40/45 interior de Alcobaça. Desolado, sem saber o que fazer, o filho do Sr.João disse que, “é muito triste perder meu pai de forma tão brutal e depois não poder levar o corpo para ser velado no seio da família”.

Para Edmilson Xavier de Brito, motorista do rabecão e auxiliar de necropsia, é humilhante a gente trabalhar e não receber para pagar as nossas contas, isso sem contar que falta o básico dentro de casa e a gente não sabe o que fazer pois nosso único provento vem do salário e já estamos sem receber há 03 meses. Lamentou o pai de família.

Outro que também lamenta a situação é Beto, auxiliar de necropsia “estamos há 03 meses sem receber, a gente precisa né, precisa pagar nossas contas, e 03 meses sem receber como a gente vai trabalhar”?, falou Beto sem esquecer de lembrar que o trabalho deles é essencial, pois são eles que buscam os corpos e auxiliam os legistas a fazer a necropsia.

Conversamos também com o coordenador Flavio Sampaio que lamentou a situação tanto dos funcionários quanto dos familiares que aguardam a liberação dos corpos e disse que tem buscado junto aos órgãos competentes, a empresa responsável pelo pagamento a Bela Agenciamento de Mão de Obra Ltda, e o estado e eles tem se mobilizado para fazer o pagamento, mas até agora, nada.

O coordenador ainda disse que não sabe aonde está o entrave que não permite a liberação do pagamento, mas o fato é que os funcionários estão há quase 03 meses sem receber. Flávio disse ainda que os funcionários do Estado estão com os pagamentos em dia, só que recebe pela empresa terceirizada é que não conseguem receber.

Entramos em contato Com Edmundo que trabalha na assessoria de comunicação do governo, ele prometeu que iria tomar pé da situação e que o secretário responsável pela pasta entraria em contato conosco para nos dar uma posição, mas até o fechamento dessa matéria não obtivemos resposta. Enquanto isso, os familiares que perderam seus entes queridos não podem sequer velar seus mortos.

Em Nota a Assessoria de Comunicação do Departamento de Polícia Técnica informou no final da tarde que em respeito a Lei Anticalote, o DPT efetuou hoje (16), o pagamento direto na conta dos funcionários, referentes aos meses de janeiro e fevereiro. O salário do mês de março será pago ainda esta semana.

Depois da divulgação que o pagamento havia sido depositado, funcionários foram ao banco, mas não foi constatado nenhum depósito em conta. A paralisação continua.

Teixeira paralisação IML

Veja também ECONOMIA

Distrito receberá conclusão de obra com recursos próprios do município

Distrito receberá conclusão de obra com recursos próprios do município

Curso de Corte e Costura contribui para a geração de emprego e renda em Itapebi

Curso de Corte e Costura contribui para a geração de emprego e renda em Itapebi

Por 15 votos contra, 01abstenção e 02 que se negaram a votar, João Bosco tem conta rejeitadas pelos vereadores

Por 15 votos contra, 01abstenção e 02 que se negaram a votar, João Bosco tem conta rejeitadas pelos vereadores

Mais duas escolas municipais estão sendo reformadas em Teixeira de Freitas

Mais duas escolas municipais estão sendo reformadas em Teixeira de Freitas

Últimas publicações