Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 19/07/2018 às 18h17min

Festival Internacional do Chocolate e Cacau Impulsiona negócios e turismo em Ilhéus

compartilha nas redes sociais:
Neuza Brizola / Ascom

Foi aberto na noite desta quarta-feira (18) o 10º Festival do Chocolate e Cacau de Ilhéus, que acontece até domingo (22) no Centro de Convenções da cidade.  O Chocolat Bahia 2018 reúne cerca de 120 expositores e apresenta mais de 40 marcas de chocolate do Sul da Bahia, incluindo produtos da agricultura familiar.

 

O evento inclui também o VI Fórum Brasileiro do Cacau, que conta com painéis de palestrantes nacionais e internacionais discutindo as tendências do mundo do chocolate. A Feira do Chocolate acontece durante todo o festival e promove Workshops e cursos de gastronomia com receitas à base de chocolate. Entre os palestrantes  estão Zilma Helena, Olívia Fernandes, Alessandra Marino, Abner Ivan e Lucas Corazza.

 

Um curso de como fazer chocolate, da amêndoa do cacau à barra, será ministrado por especialistas, como a francesa Chloé Doutre, a venezuelana Maria Fernanda Di Giacobbe e a paulista Luisa Abram. Para as crianças, foi montado o espaço Cozinha Kids, com recreações e minicursos com duração média de 30 minutos.

 

O secretário estadual de Planejamento, Antonio Henrique de Souza destaca que “os investimentos na produção de amêndoas de qualidade e no fortalecimento de toda a cadeia produtiva, permitem que o Sul do Estado possa gerar emprego e renda”. Para a secretária de Agricultura, Andréa Mendonça, “o evento permite a troca de experiências, a divulgação de novas tecnologias que consolidam a região não apenas como produtora de cacau, mas também de chocolates de origem, com alto valor agregado”.

 

Cooperativas de agricultura familiar também estão presentes no evento, além de associações e assentamentos que produzem chocolate. “O Festival do  Chocolate permite essa interação entre os produtores e consumidores, oportunizando que a agricultura familiar, que tem forte presença na região, demonstre todo o seu potencial e possa ampliar a produção de cacau e chocolate”, destaca o secretário de Desenvolvimento Rural, Jeandro Ribeiro.

 

Rota do Chocolate

 

Durante a abertura do evento, foi inaugurada oficialmente a Rota do Chocolate, estrada temática da Bahia, que inclui fazendas centenárias, recantos naturais, fábricas de chocolates de origem, etc. O secretário de Turismo, José Alves, ressalta que “a criação de um pólo chocolateiro tem impactos positivos no turismo e a Rota de Chocolate vai ampliar as opções para turistas de todo o Brasil e do Mundo, atraídos pela obra de Jorge Amado e a magia do cacau”. A Secretaria de Turismo assinou um convênio com o Sebrae, para promover a capacitação de todos os segmentos envolvidos na Rota do Chocolate.

 

Marco Lessa, idealizador do projeto e organizador do evento, afirma que  “o festival é uma forma de difundir a cadeia produtiva do cacau, reunindo consumidores, especialistas e produtores. É uma oportunidade para discutir a industrialização, a verticalização da produção e, consequentemente, a melhoria da qualidade das amêndoas de cacau selecionado e um produto final de excelência, além de promover a conservação ambiental e o turismo de experiência”, diz.

Ilhéus chocolate cacau

Veja também ECONOMIA

Casamento de ‘Louro José’ acaba após traição, diz jornal

Casamento de ‘Louro José’ acaba após traição, diz jornal

Sheila Mello e Fernando Scherer se separam após 9 anos

Sheila Mello e Fernando Scherer se separam após 9 anos

Orquestra do ICED abre os Jogos da Amizade no aniversário de Ibirapuã

Orquestra do ICED abre os Jogos da Amizade no aniversário de Ibirapuã

Anvisa suspende três medicamentos por problemas de qualidade

Anvisa suspende três medicamentos por problemas de qualidade

Últimas publicações