Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 10/04/2018 às 15h10min

Blefaroplastia é uma das cirurgias plásticas mais realizadas pelos homens

Eles já representam 30% dos pacientes de cirurgias plásticas no Brasil
compartilha nas redes sociais:
Clara Sangiorgio

Os anos pesam para todos e é nos olhos que a idade fica mais aparente. Se há alguns anos a busca de procedimentos cirúrgicos para retardar os sinais de envelhecimento eram praticamente exclusividade das mulheres, hoje os homens entendem que vaidade é saudável e cada vez mais têm buscado novas técnicas e profissionais para suavizar os sinais da idade.

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o número de homens que buscam cirurgias plásticas aumentou de 72 mil, em 2012, para 276 mil em 2017. Os homens representam cerca de 30% dos pacientes que realizam plásticas no Brasil. Entre aqueles de 30 a 50 anos, as cirurgias mais populares são lipoaspiração, transplante capilar, cirurgia para levantar as pálpebras (blefaroplastia) e cirurgia de face.

“A blefaroplastia, ou cirurgia de pálpebras, é um dos procedimentos mais populares entre o público masculino, pois faz uma grande diferença na aparência e é um procedimento que mantém o aspecto natural da face”, comenta a oftalmologista Dra.Tatiana Nahas, especialista em plástica ocular e Chefe do Serviço de Plástica Ocular da Santa Casa de São Paulo.

 

Homens estão mais vaidosos

Hoje os homens estão mais dispostos a cuidar da aparência física, tanto para se manterem atraentes, como também para manter um visual saudável e jovial frente ao mercado de trabalho.

“Os homens passaram a ver a blefaroplastia sem preconceitos, entendendo que levantar as pálpebras ou eliminar as bolsas ao redor dos olhos pode fazer uma enorme diferença na aparência. Além disso, o procedimento visa um resultado natural, o que é uma das maiores preocupações entre eles”, comenta Dra.Tatiana.

 

Escolha o profissional certo

Atualmente, a blefaroplastia é um dos procedimentos cirúrgicos mais realizados por oftalmologistas especializados em cirurgia periocular. Esses profissionais têm conhecimento sobre a dinâmica das pálpebras e sobre a necessidade de proteção do olho.

O procedimento é indolor e costuma exigir apenas sedação e anestesia local. Em geral, a internação é de menos de 12 horas. É preciso ficar de repouso por cerca de dois dias após a cirurgia. Na primeira semana, é recomendado que o paciente “desacelere” um pouco, fazendo repouso relativo. 

A cirurgia pode ser feita em ambos os olhos, removendo o excesso de pele nas pálpebras superiores e as bolsas de gordura nas pálpebras inferiores. Na parte inferior, a técnica mais utilizada é a transconjuntival, que não deixa cicatrizes visíveis e não agride a pele, uma vez que o corte é feito por dentro da pálpebra. “Para conseguir o resultado mais natural possível, o paciente deve procurar um médico especialista no procedimento”, lembra Dra. Tatiana.

Cirurgias plásticas Homens

Veja também HOMEM

Secretário de Saúde da Bahia propõe estadualizar Mais Médicos

Secretário de Saúde da Bahia propõe estadualizar Mais Médicos

Câmara aumenta pena de maus-tratos contra animais e zoofilia

Câmara aumenta pena de maus-tratos contra animais e zoofilia

Curtas e Picantes

Curtas e Picantes

PRF prende motorista alcoolizado na BR 101, em Eunapólis

PRF prende motorista alcoolizado na BR 101, em Eunapólis

Últimas publicações