Portal Bahia Extremosul - Central de Notícias

publicado em 27/12/2017 às 11h16min

5 passos para sair das dívidas em 2018

compartilha nas redes sociais:
Reinaldo Domingos

Sair das dívidas em 2018 é o sonho de muitos brasileiros. São 59,9 milhões de pessoas com contas em atraso ou nomes negativados (39,5% da população com idade entre 18 e 95 anos), segundo dados do SPC Brasil e da CNDL referentes a novembro deste ano. Veja 5 passos para sair dessa situação de forma definitiva:

1- É preciso, como determinação e coragem, encarar os números e analisar a situação, colocando tudo no papel. Portanto faça um diagnóstico financeiro completo, anotando todas as suas dívidas, nome do credor, valor devido, taxas de juros, prazo e característica. Em seguida, separe os itens “essenciais” (como água, luz, telefone, condomínio) e “não essenciais” (como um contrato de TV a cabo ou conta de celular dos filhos, se tiverem).

2- Em um momento de acúmulo de dívidas e dificuldade em pagar todas, é preciso priorizar as contas essenciais, evitando o corte de serviços indispensáveis parta a família, e verificar o que pode ser eliminado ou ter seu custo reduzido. Além disso, é preciso ter atenção com as dívidas sobre as quais incidem maios juros, como cheque especial e cartão de crédito.

3- É preciso também fazer um diagnóstico financeiro, anotando por 30 dias todos os gastos separando por categorias (como alimentação, transporte, vestuário, educação, guloseimas, etc.). Analise as despesas tendo a certeza de que você tem condições de reduzir, em média, 25% do valor de cada uma delas ou até mesmo eliminá-las. o comportamento é a raiz do problema do endividamento, então considere que este é o momento de mudar seus hábitos para sair dessa situação de forma definitiva.

4- Antes de procurar os credores, é preciso ter certeza do quanto, advindo da economia mensal, você irá dispor para pagar as parcelas da dívida após a renegociação. Se não houver condições de pagar, é melhor nem procurar os credores, e sim organizar a situação primeiro. O ditado popular se aplica a esse caso: “devo, não nego, pago quando puder”.

5- É indicado procurar primeiro os credores das dívidas essenciais e de juros mais altos e só fazer o acordo se a parcela couber em seu orçamento mensal. O ideal é que pague o valor renegociado e dê início a estratégia de poupar dinheiro mensalmente, para ter maior força para sair dessa situação. O hábito de poupar é algo que deverá levar consigo por toda a vida, deixando de ser endividado e inadimplente e se tornando alguém educado financeiramente, que se planeja para conquistar sonhos constantemente.

Ao olhar para endividamento, é possível que tenha uma visão míope, de que a falta de dinheiro é a grande vilã, ou que tenha uma visão parcial e busque a saída do problema por meio de formulas, planilhas e cálculos. O ideal é que tenha uma visão completa, enxergando a raiz do problema e buscando uma saída definitiva, que se dá pela mudança de hábitos e comportamentos que o levarão a essa situação em primeiro lugar.

Dívidas Sair Priorizar

Veja também ECONOMIA

Ambulância nova foi entregue aos moradores de Rancho Alegre

Ambulância nova foi entregue aos moradores de Rancho Alegre

Secretaria Municipal de Meio Ambiente adquire duas motos e equipamentos de segurança

Secretaria Municipal de Meio Ambiente adquire duas motos e equipamentos de segurança

Vídeo - Teixeirenses são detidas em Itabela cometendo crime eleitoral

Vídeo - Teixeirenses são detidas em Itabela cometendo crime eleitoral

Fantasiados na Escola os estudantes do Cetepes apresentam o Happening

Fantasiados na Escola os estudantes do Cetepes apresentam o Happening

Últimas publicações